EU PASSAGEIRO

(Milonga)

Sapecada da Serra Catarinensa

Eu Passageiro

 

Sou passageiro do vento 

Que me leva pelos ares

Destino incerto, sem rumo

Revoando revolto sumo

No lombo de um pássaro.

 

Sou passageiro da noite

Negra dama que me ilude

Na madrugada sem fim

Onde me perco de mim

E a milonga me encontra.

 

Sou passageiro do tempo

Que sempre me consome

Pra que um dia eu vire pó

Pois temos um destino só:

Da vida, somos passageiros.

 

Sou passageiro do barco

Que me leva à deriva

Com sede de liberdade

Pelo mar da saudade 

Que me banha de ti.

 

Sou passageiro do trem

Que da janela mostra seu mundo

E como é lindo lá fora

Onde o olhar vai embora

Junto com o sol que se põe.

AUTOR(ES) DA LETRA:

Rafael Puerta
Urubici, SC

AUTOR(ES) DA MÚSICA:

Rafael Puerta
Urubici, SC

FICHA DE PALCO


George Lima - Gaita e voz

Rafael Puerta - Violão e voz

André FM - Percussão

Arthur Boscato - Violão e voz

Felipe Silveira - Contrabaixo e voz

Ricardo Bergha - Intérprete